terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Espelho maldito!

Acabei de ouvir da minha afilhada de seis anos que ela não poderia repetir a comida porque tinha que emagrecer. Eu perguntei se ela iria emagrecer para voar e ela respondeu que era para perder a barriga e então ela iria entrar na academia.
Minha prima de 13 anos, corpo lindo e magro, me confessou que parou de comer porque estava se achando gorda, e só voltou a comer depois que sua mãe lhe forçou a comer e começou a vigiar-lhe e depois que conseguiu alguns elogios dos amigos.
Fico pensando sobre a ditadura da magreza que se estabelece entre as adolescentes que já sofrem com a mudança do corpo e com as opiniões alheias. Preocupa-me as crianças tornarem-se fãs do corpo photopado das revistas e das personagens de desenho animado, sempre loiras, ricas, casadas com belos príncipes e muito magras.
Tive alunas com bulimia e outras tendendo a anorexia. Vítimas dos meninos-gatos-sarados da turma que as chamavam de gordas.
Engordei horrores depois que casei e consegui emagrecer 20 kilos. Fui comemorar os kilos perdidos com muita cerveja, carnes e massas e experimentei o efeito sanfona. Hoje percebo que depois dos 30 não posso mais me dar ao luxo de cometer extravaganzas à mesa sem engordar vários kilos. Ou escolho ser magra, saudável e gostosa e aí começo a comer direito e a malhar ou continuo a consumir baldes de cerveja, picanhas suculentas, bater dois pratos de peão e embarango de vez.
Não posso ser hipócrita: uma pessoa que já experimentou as delicias de ser magra sabe bem que é  quase impossível ser feliz estando n kilos acima do peso.
A culpa pode até ser dos meios de comunicação que pregam a ditadura da magreza, mas o fato é que estar com o corpo em dia faz um bem danado para a alta - estima e ninguém nesse mundo de prazeres merece esconder o corpo sob a canga ou sob a luz apagada do quarto.

P. S 1 Sim. Eu estou fazendo a porra da R.A (reeducação alimentar) e nesse blog irá rolar assuntos como “o que comi hoje e quanto malhei hoje”, portanto machos e pessoas avessas ao assunto dieta, quando verem os marcadores: dieta, exercício e papo calcinha podem mudar de página.

p.s 2  não espalhem para ninguém...  meu peso inicial em 02/01/2012, pós orgia alimentar: 83 kilos.

5 comentários:

Thiago Nalli disse...

Ufaaaa.. Ainda bem que não sou Gatão Saradão dos tempos de Colégio e faculdade...
Mas enfim, sua Afilhada de 6 Anos esta Correta e a de 13 também, pois não é só a Mídia que prega o padrão de beleza das magresa e nem mesmo os desenhos, olha só o que você mesmo postou logo depois de falar delas.. Que você ERA feliz sendo Magra e etc, ou seja, os exemplos estão fora da TV. Eu geralmente escolho as garotas pelo carater e personalidade, afinal TODO homem sabe, que as Magras e Gostosas servem apenas para sexo casual e claro, tirar foto com elas transando. Já para companhia em casa e esposa, as Gordinhas são as melhores, Afinal, se você deseja uma magrinha gostosa, seu vizinho tambem deseja, e mulher que "Deseja" ser essa magra Gostosa, também vai adorar saber que esta sendo desejada.. Achoq ue não preciso dizer mais nada né? rsrsrs

seja Feliz Keila, não se importe com balança, o melhor prazer do mundo é comer sem medo. Ficar perdendo Horas em academia não significa saude não, afinal TUDO hoje em dia faz mal, comidas não são mais naturais, logo, academia serve a nada a não ser uma vitrine de egos. Ou como já vi acontecendo: O Cara vivia nas academias, vegetariano, não fumava, não bebia.. ao fazer Cooper foi atropelado, na UTI assumiu que nunca se divertiu nem os prazeres que a vida podia te dar, e claro Morreu. Enquanto os amigos dele que comiam de Tudo, barrigudos com orgulho, estão ai bem Vivos!

Bjs

PS: Pode deixar que ao VER dieta eu mudo de pagina...hahaha

Dama de Cinzas disse...

Confesso que tenho problemas sérios com a obesidade, mas não por ser gorda, mas pelo pânico, quase fobia, que tenho de engordar.

Se estou acima do meu peso me sinto muito mal comigo mesma. Então vivo sempre no controle de peso, mais ou menos sempre no meu peso ideal, mas isso é a um custo cada vez mais alto.

Sorte da sua R.A.!

Beijocas

Anônimo disse...

Oi flor! Td bem? saudades... Bom, conheço bem esse efeito sanfona e estou passando por ele. Juntas chegaremos lá, também estou na luta para entrara no biquini!

Bjo

Feliz 2012

Ana Roberta

carla disse...

Olá Keilitha, amiga vc e demais mesmo, sempre direta ao assunto, doa a quem doer, te admiro muito. Keilitha, o que vc disse eu concordo, a mídia prega a beleza nas magras, mais eu não acho que só as magras sao belas mulheres, acho muitas gordinhas lindas tanto quanto as macérrimas, a beleza esta nos olhos de quem vê, ser gordinha e ter um bom humor e saber se vestir, pronto já será uma bela mulher, falo isso sem hipocrisia, mais cada um sabe o melhor pra cada. Eu me sinto bem comigo mesma sendo magra, o peso meu antigo me fazia infeliz. Hoje me sinto super bem, perfeita não, mais me sinto bem assim. Então amiga vc tem que procurar o seu em estar, tanto por fora quanto por dentro. Procure se realizar e não realizar a vontade dos outros. Ok. Beijos e um felicíssimo Ano de realizações pra vc.

Deinha disse...

Ei Keila!Estou aprendendo que a primeira reeducação que a gente tem que fazer é a mental.Começar mudar hábitos, mas em extremo a forma de pensar.Temos consciência que ser magra é mais saudável,porém depois dos trinta e quarenta a atividade física tem que casar com a alimentação para eliminar as calorias diárias a mais.Estou enrolando dieta há muito. Infelizmente no meu caso a saúde deu um intimato sério: Muda ou morre mais cedo.A gente só não pode desistir e ficar para baixo. O pensamento é que move a vida para a vitória ou derrota.Um grande beijo!!!